Início Gastrofolias Da flor do sal à flor do vinho, da virtude ao malefício!

Da flor do sal à flor do vinho, da virtude ao malefício!

36
2
COMPARTILHE

E, da mesma palavra… significados e sentidos tão diferentes: Da excelência da flor de sal aos melefícios da flor de vinho, um abismo!

Que nome poderia ter o sal de melhor qualidade e de mais excelsas virtudes? O mais rico e saudável deles todos?

Cristais de sal

Claro, flor de sal! Já foi chamado de coalho, por pairar à superfície da água.
Branquíssimo, nasce dos cristais de sal que se formam à tona, nas salinas.
E, como qualquer outra flor, tem de ser tratado com desvelo e recolhido com precaução.

O vigor e a intensidade do sabor permitem o uso de porções muito reduzidas e fazendo dele amigo da saúde.

Mas se esta é uma flor de gostar, admirar e enaltecer, a outra, a do vinho, é de fugir: significa deterioração e perda de características.
Um véu esbranquiçado à superfície do vinho… e lá se vai cor e grau alcoólico. Alguns identificam-na pelo cheiro a mofo e chamam-lhe apenas doença do vinho.
Um mal que ataca principalmente os vinhos novos. Nada como rolhas de boa qualidade. E evitar depósitos mal atestados ou garrafas com excessiva camada de ar.

Duas faces diversas de virtude e malefício. Ambas flor!

• Pelo Jardim:

FlorViva quem é uma flor!

Apetece falar de flores. Vá se lá saber porquê…
Flores mesmo, sem subterfúgio ou segundo sentido de palavra.
Daquelas que nascem das hastes e ramos de… (Ler Mais)

FlorSe não é “flor que se cheire”…

Flores que são beleza, paixão, deslumbramento, aconchego, mezinha…
Nas tisanas e outras providenciais infusões, exaltam prazeres de fragrância e sabor. Acrescentam poderes medicinais… (Ler Mais)

FlorSaciar o fogo do desejo num corpo de flor!

Algumas, de tão provocantes e apetecíveis, apetece mesmo comer.
E então, quando sedosas ao toque, cheirosas e suaves, de formas bem desenhadas e cores cheias… (Ler Mais)

FlorBoas de comer ou venenosas de matar!

Como em tudo na vida, manda bom senso (e experiência!) que não se dispense a precaução. As escolhas têm de ser acertadas… Porque nem todas as flores são boas de comer: Algumas são… (Ler Mais)

FlorDa mesma flor, a abelha tira o mel e a vespa o fel

Na linguagem, no imaginário, no dia-a-dia… associamos as flores a quase tudo. E a partir delas fazemos afirmações significativas e… significantes.
Entre o “viva quem é uma flor” e o “não é flor que se… (Ler Mais)

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here