Início Uncategorized Anda a comer gato por lebre?

Anda a comer gato por lebre?

21
0

Quase diariamente, os telejornais têm feito eco do descontentamento do mundo agrícola em relação à crise e ao avolumar das dificuldades de sobrevivência dos produtores de carne ou de leite.

Se as dificuldades já eram expectáveis face ao termo dos subsídios à produção, viram-se acentuadas com o embargo da Rússia às importações provenientes da Comunidade Europeia.

Sabe-se que a atitude dos russos foi resposta às sanções decretadas pela Europa na sequência dos acontecimentos na Crimeia. E se são compreensíveis as sanções, já ninguém perceberá porque razão não é a Comunidade a assumir os custos das suas decisões políticas: Queria impor sanções… muito bem! Mas deveria ter encontrado forma de compensar os agricultores pelos prejuízos decorrentes da postura que decidiram e assumiram.

A difícil situação da lavoura portuguesa não deriva apenas do encerramento do mercado a Leste. Uma boa parte das dificuldades que enfrenta tem a ver com o modo como, muitos dos produtos disponíveis nas grandes superfícies, estão rotulados. Por isso os agricultores dizem-se vítimas de concorrência desleal com produtos importados que não referenciam locais de produção ou de fabrico.
E as campanhas em defesa da produção nacional ficam-se pelas boas intenções, desprovidas de efeito prático, e (todos nós!) poderemos estar a comprar gato por lebre.

 

 

Mas o consumidor que você é – e que nós somos – dá-se ao trabalho de ler aquelas letrinhas pequenina que indiciam a origem de um produto? Isto… quando o rótulo se não limita a dizer que foi fabricado na… União Europeia! Se as grandes empresas internacionais e os colosso da Distribuição não têm nada a esconder, porquê esta atitude de não explicar convenientemente onde (e por quem) um dado bem foi criado ou fabricado?

Ainda há pouco olhávamos de todos os ângulos um iogurte – desses agora apelidados de gregos. Garantimos que não encontrámos nenhuma referência desse tipo. Serão de geração expontânea? Extraterrestres? Virtuais?

E você?
Costuma verificar qual é o país de origem dos produtos que compra no supermercado?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.